A ablação térmica por radiofrequência é um procedimento cirúrgico que permite o tratamento da veia safena de forma minimamente invasiva, proporcionando alta hospitalar no mesmo dia e uma rápida recuperação pós-operatória.

É realizada uma pequena punção na veia safena e inserido um cateter de radiofrequência que irá promover a fibrose desta veia. Este método utiliza a energia da radiofrequência para aquecer a parede da veia através do cateter provocando, assim, o encolhimento das fibras de colágeno e o consequente fechamento da veia. O procedimento é realizado, na maioria das vezes, sob anestesia local e sedação.

O tratamento com radiofrequência é um método alternativo à safenectomia (remoção cirúrgica da veia safena) evitando a necessidade habitual de cortes (incisões) na virilha e na perna além das potenciais complicações como infecção, hematomas e até mesmo as cicatrizes nestes locais de incisões.